galaxia_saturno_ceu

Por que Saturno é tão temido? Saiba lidar com sua nova posição

Para quem costuma acompanhar a astrologia, só a menção da palavra Saturno, pode causar, no mínimo, calafrios. Saturno está, sem dúvida alguma, entre os mais temidos planetas do nosso Sistema Solar. Saturno carrega uma aura de fatalidade, mas, certamente, existe desconhecimento do quanto ele pode ser útil e nos ajudar durante nossas vidas.

Saturno esteve em Escorpião nos últimos dois anos e meio e entrou em Sagitário no dia 23 de dezembro de 2014. Assim que entrou nesse signo, começou a ceifar toda a erva-daninha da vida de sagitarianos, geminianos, virginianos e piscianos, especialmente dos do primeiro decanato. Quem tem ascendente ou qualquer outro planeta em um desses signos sentiu o peso das mãos de Saturno em suas vidas. Através de seu movimento retrógrado, deixou Sagitário por quase quatro meses e, no dia 18 de setembro, voltou a esse signo. E a partir de agora e até o final de 2017, é nesse lugar que ele permanece.

Veja também

Sagitarianos, geminianos, virginianos e piscianos já podem sentir a força de Saturno e começam também a perceber seus sinais. Os caminhos serão traçados lenta e seguramente, pois este senhor não tem pressa nem se sensibiliza diante da fraqueza humana. Saturno em Sagitário vai tocar a vida de todos, mas especialmente aqueles que tiverem o Sol, ascendente ou planetas importantes nesses quatro signos.

Saturno em Sagitário, no coletivo, vai nos obrigar a rever nossa fé e nos trazer oportunidades para reaver nosso poder pessoal. Os estudos, a meditação, as viagens, as mudanças de cidades e países, a fome de conhecimento, as publicações, tudo isso ganhará força e peso nos próximos anos. Veja o perfil de cada signo do zodíaco.

Senhor do Carma

Saturno é seco, severo, duro e mesmo suas qualidades não nos soam muito bem. Quando ele toca o nosso mapa natal, ele cobra e não aceita desculpas. Exige autocontrole, seriedade, responsabilidade, cautela. Ele é Chronos, o senhor do tempo, e não aceita nenhuma forma de ansiedade quando estamos sendo orientados por ele. Costumo dizer que Saturno não tem senso de humor, ele está sempre com a tez franzida e preparado para uma boa lição se, por acaso, sairmos da linha.

O trânsito de Saturno pelo nosso mapa natal, quando envolve nosso signo solar, ascendente, Lua, ou qualquer planeta que esteja no caminho dele, limita, traz obstáculos, muitas vezes frustra e nos traz perdas que pensamos não suportar. Saturno, muitas vezes, traz dor, mas aquela dor que educa, que nos faz crescer e assumir nosso próprio caminho. É claro que demoramos algum tempo para entender sua força e necessidade. Mas, quando começamos a perceber a sua mensagem e nos unimos a ele, ah! A sensação de proteção e satisfação começa a tomar conta do nosso coração.

A segurança e a proteção surgem porque Saturno nos aponta o caminho da estabilidade e da criação de estruturas importantes em nossas vidas. É como a construção de um prédio, em que precisamos limpar o terreno e começar por uma boa fundação.

Trabalho é seu nome e, quando ele toca nossas vidas, o melhor que temos a fazer é arregaçar as mangas e trabalhar duro na direção dos nossos objetivos. Paciência e sabedoria são qualidades que Saturno costuma nos fazer desenvolver. É por isso que Saturno rege a velhice.

Saturno ensina, nos arranca do caminho incerto e nos coloca no prumo. Nos obriga a rever metas, caminhos e nos dá a força necessária para seguirmos. Por isso também é conhecido como o senhor do carma. Seu símbolo é uma caveira com uma foice na mão. Quando ele chega, ele ceifa tudo o que não estiver de acordo com seu destino, para que a terra fique bem preparada para uma nova plantação e colheita.

Nada do que passamos quando Saturno atravessa nossas vidas é desnecessário, já que nos educa e nos amadurece. Saturno é o típico pai severo que exige de seus filhos para que eles se tornem pessoas melhores.

As pessoas mais velhas costumam ter mais facilidade em lidar com a energia de Saturno, por razões óbvias, já que Saturno além de reger a velhice, nos torna mais maduros e sábios.

Mãos à obra na construção de mais uma etapa de vida!