A94B212F-50E6-40A0-B685-7F48286ADB8E

Superlua, Lua Azul, Lua de Sangue e agora... Lua de Neve? Será que é verdade?

Já tivemos uma Superlua e Lua de Sangue em 2019 e uma Lua Azul em 2018. E até uma SuperLua de Sangue Azul aconteceu no ano passado (mas não ocorria desde 1866). E agora surgiu a chamada Lua de Neve, que ocorre nesta terça, dia 19, junto com uma Superlua. Mas o que é verdade nesses nomes todos dados à Lua?

Os 4 signos mais influenciados pela Superlua de neve de fevereiro >>
Superlua de neve de fevereiro dá fim a várias coisas; veja influência no seu signo >>
Eclipse lunar de 2019: os 4 signos mais transformados pela Superlua de Sangue >>
Esses 3 signos viverão reviravoltas nesta semana >>

 



A verdade é que todos esses quatro nomes existem, sim. Podem até parecer exagerados, mas nada mais são do que termos dados para designar diferentes lunações. Essas expressões tinham maior relevância antigamente, especialmente para povos indígenas e para agricultores, que dependiam da mudança das estações, controlada por eles através da lua, para sobreviver do plantio. Hoje, chamam mais atenção dos seres na Terra para o que acontece no céu. Quer saber o significado de cada um? A gente te explica direitinho:

 

O que é Superlua?

Você já deve ter ouvido falar dela. Já tivemos uma Superlua em janeiro de 2019. O termo Superlua é dado quando a lua cheia está na sua posição mais próxima possível da Terra durante sua órbita. Todo mundo adora superlua, porque ela parece maior do que o normal. Aliás, é quando sua timeline do Facebook fica cheia de fotos (nem sempre boas) da lua.



Durante a Superlua, a lua aparece 14% maior do que uma lua cheia normal e 30% mais brilhante.

A lua parece ainda maior se ela estiver perto do horizonte. Isso porque comparamos visualmente o tamanho das coisas na paisagem (prédios, montanhas, árvores) ao dela. Por isso, a maior parte de fotos (boas) da Superlua que você vai ver serão com o astro no horizonte.

O que é Lua de Neve?

A expressão lua de neve nada mais é do que o nome dado à primeira lua cheia de fevereiro no hemisfério norte. Tribos indígenas dos Estados Unidos deram esse nome devido à escassez de comida e caça no período de inverno. Também é chamada de Lua da Tempestade.

A cada 19 anos, fevereiro não tem uma Lua Cheia. O fenômeno é conhecimento como LUA NEGRAEm 2018, tivemos uma Lua Negra, o que só vai ocorrer de novo em 2037. Em vez de haver uma Lua Cheia em fevereiro, houve duas em janeiro e março. O que nos leva ao fenômeno seguinte, a Lua Azul.



Fevereiro de 2018 não tem Lua Cheia e sim Lua Negra (o que só ocorre de novo em 2037) >>

O que é Lua Azul?

Uma Lua Azul ocorre geralmente a cada dois anos e meio, de acordo com a NASA. Não é algo frequente, mas só em 2018 foram duas Luas Azuis! O termo Lua Azul é usado quando ocorrem duas luas cheias num único mês.

Isso acontece por pequenas diferenças entre o calendário e as fases da lua. Uma lua cheia acontece a cada 29,5 dias, mas os meses podem ter até 31 dias. Isso permite que um mês tenha duas luas cheias: uma no primeiro dia e outra no último, por exemplo. Isso significa também que fevereiro nunca terá uma lua azul, já que só tem 28 dias e é menor que o ciclo lunar.



Fases da lua: qual a melhor para o amor, cortar cabelo, engravidar e começar dieta?
Os 4 signos mais influenciados por Saturno no novo ciclo de 3 anos

O que é Lua de Sangue?

O eclipse lunar total é também chamado Lua de Sangue pelo tom avermelhado do astro quando ele ocorre. O termo Lua de Sangue se refere ao eclipse em que a lua cheia se alinha com a Terra e com o Sol. Dessa maneira, a Terra bloqueia a luz solar transformando a lua de um globo branco ou prata em um avermelhado.

Agora é só aproveitar os fenômenos e olhar para o céu!



Veja como a Superlua de Neve desta terça influência seu signo >>